You, Tidying Up e outras séries da Netflix que podes descobrir em livro

netflix-revista-estante-fnac

Se já não consegues passar sem Netflix, fica a saber que muitas das tuas séries preferidas deste serviço de streaming começaram por ser livros… que também vais adorar conhecer.

you

TU

O livro: YouCaroline Kepnes

É, neste momento, uma das séries de maior sucesso da Netflix – e curiosamente até começou por ser exibida (com uma audiência relativamente modesta) na Lifetime. A história de um livreiro que se apaixona – leia-se: desenvolve uma obsessão – por uma jovem aspirante a escritora começou por ser publicada em livro em 2014, ganhando comparações com Em Parte Incerta e chamando a atenção por estar escrito na sempre invulgar segunda pessoa do singular.


A MALDIÇÃO DE HILL HOUSE

O livro: A Maldição de Hill HouseShirley Jackson

É um dos principais clássicos do horror e um dos romances preferidos de referências como Stephen King. Apesar de já ter sido adaptado várias vezes a diferentes meios – uma das quais com muito sucesso, em 1963 –, foi a recente reinterpretação que a Netflix lançou na sua plataforma que fez renascer a popularidade desta história sobre uma casa potencialmente assombrada. São muitas as diferenças entre livro e série, mas ainda assim é notório o respeito com que Mike Flanagan, o homem responsável pela adaptação, trata o material original.


MARIE KONDO: A MAGIA DA ARRUMAÇÃO

O livro: Alegria!Marie Kondo

Chama-se Marie Kondo, é especialista em arrumação, criou o método de organização pessoal KonMari e é um dos mais recentes fenómenos made in Netflix. Com vários livros publicados, Kondo defende que devemos ambicionar uma casa mais alegre e minimalista. E, tanto nos livros como na sua série, deixa várias dicas para o conseguir: arruma a casa de uma só vez mas fá-lo por categorias, escolhe os teus artigos preferidos e mantém apenas aquilo que te inspira alegria.


ALIAS GRACE

O livro: Chamavam-lhe GraceMargaret Atwood

Nem só de The Handmaid’s Tale se faz Margaret Atwood na televisão neste momento. A canadiana também escreveu Chamavam-lhe Grace, romance histórico sobre uma mulher condenada a prisão perpétua pelos alegados assassinatos de duas pessoas em 1843. A minissérie televisiva que lhe serviu de adaptação, com Sarah Gadon no principal papel, começou por ser exibida na CBS, mas encontra-se agora disponível na Netflix.


CAÇADOR DE MENTES

O livro: Mindhunter: Caçador de MentesJohn Douglas e Mark Olshaker

Quando, em 1995, o ex-agente do FBI John Douglas, em conjunto com o escritor Mark Olshaker, publicaram um livro de não ficção sobre a ciência que serve de base à definição de perfis psicológicos de serial killers, estariam porventura longe de imaginar que este haveria de inspirar uma série televisiva de sucesso. Mas foi isso que aconteceu. Criada por Joe Penhall, esta série da Netflix, passada no final dos anos 70, mostra que a ciência criminal é cada vez mais popular.


O-Terceiro-Desejo

THE WITCHER

O livro: The Witcher: O Terceiro DesejoAndrzej Sapkowski

Ao longo de mais de vinte anos, o polaco Andrzej Sapkowski publicou uma série de livros – entre romances e coleções de contos – que contam uma história de cariz fantástico, fortemente influenciada pela mitologia eslava, sobre um caçador de monstros com poderes sobrenaturais. Os livros foram adaptados à banda desenhada, ao mundo dos videojogos e, claro está, à televisão, com a Netflix prestes a estrear uma série que contará com Henry Cavill no papel principal. Enquanto esperas por ela, aproveita para ler os livros já publicados.


HOUSE OF CARDS

O livro: House of CardsMichael Dobbs

Foi em 1989, pouco tempo depois de abandonar o cargo de chefe de gabinete do Partido Conservador do Reino Unido, que Michael Dobbs se dedicou à escrita e publicou o seu mais célebre thriller político: House of Cards. Trinta anos depois, este livro conta com duas adaptações televisivas de relevo: a primeira foi exibida em 1990 e é geralmente tida como uma das melhores minisséries britânicas do seu tempo; a segunda, ainda mais popular, é uma versão adaptada à realidade americana que conquistou espectadores um pouco por todo o mundo.


Series-of-Unfortunate-Events-Book-1-The-Bad-Beginning

UMA SÉRIE DE DESGRAÇAS

O livro: A Series of Unfortunate Events: The Bad BeginningLemony Snicket

A história de três órfãos perseguidos por um homem de aspeto macabro, com um pendor particular para os disfarces, que pretende apropriar-se da herança que estes deverão receber, não parece, à primeira vista, muito apropriada para crianças. Mas é. E até foram 13 os livros que o americano Daniel Handler escreveu sob o pseudónimo de Lemony Snicket e que têm divertido milhões de jovens leitores desde há 20 anos. Na Netflix, encontra-se atualmente na terceira temporada uma série baseada neles, com Neil Patrick Harris no papel do temível Conde Olaf.


POR TREZE RAZÕES

O livro: Por Treze RazõesJay Asher

O controverso romance young adult de Jay Asher, sobre uma jovem que se suicida e deixa um diário em formato áudio no qual explica as (treze) razões que a levaram a fazê-lo, inspirou uma série da Netflix tão ou mais controversa que já vai na sua segunda temporada – com uma terceira prestes a ser lançada ainda este ano. Criada por Brian Yorkey, conta com Dylan Minnette e Katherine Langford nos principais papéis.


Road-to-Riverdale-Book-1

RIVERDALE

O livro: Road to Riverdale
Lê também: Archie, vol. 1

Criada no distante ano de 1941, a banda desenhada Archie tornou-se um caso raro de popularidade e longevidade nos Estados Unidos. As centenas de volumes que compõem a série acompanham Archie Andrews, a sua família, o seu grupo de amigos e vários outros residentes da fictícia cidade de Riverdale – incluindo até vizinhos como a bruxa adolescente Sabrina. A banda desenhada foi adaptada à televisão pela CW, mas a série é exibida por cá na Netflix.

Por: Tiago Matos

Gostou? Partilhe este artigo: