Sméagol vs. Gollum: O bom, o mau e o anel

gollum-revista-estante-fnac

Quem não se lembra da estranha criatura que perseguiu Frodo em O Senhor dos Anéis? Está na hora de conhecermos Gollum como deve ser.

O-Senhor-dos-Aneis-Vol-1

O-Senhor-dos-Aneis-Vol-2

O-Senhor-dos-Aneis-Vol-3

Bastam duas palavras para saberes de imediato de quem falamos (dica: experimenta lê-las com uma voz rouca e arrepiante): “My precious!” Inconfundível, não é? De facto, Gollum é a criatura mais popular da saga O Senhor dos Anéis, embora seja também uma das mais enigmáticas.

Eis o que sabemos sobre ele: o seu verdadeiro nome é Sméagol e durante muito tempo foi apenas um inofensivo hobbit. Um dia – curiosamente, num dos seus aniversários – saiu para pescar e encontrou um misterioso anel dourado – o tal “precioso” anel que o haveria de corromper e subjugar às forças do mal. A partir daí, torna-se impossível esconder a sua dupla personalidade – resultado do confronto interno entre o bem e o mal.

Existem, no entanto, várias coisas que não sabemos sobre Gollum e que dificilmente viremos a saber. Como, por exemplo, a origem do seu nome. Aquilo que J. R. R. Tolkien nos explica no primeiro volume de O Senhor dos Anéis é que a família começou a tratá-lo dessa forma devido a um som involuntário (e horripilante) que fazia com a garganta – já depois de o anel se apoderar de si.

Na realidade, a história não é assim tão linear. Há quem argumente que Gollum vem de “gull” ou “goll”, palavras do nórdico antigo que significam “ouro”, “tesouro” ou, lá está, “anel”. Outros suspeitam que Gollum vem de “Golem”, uma criatura de tradição judaica sem alma e dominada pelo seu criador – tal como Gollum o é pelo anel.

Embora nada tenha a ver com o nome, especula-se ainda que a inspiração para a sua criação vem do monstruoso Grendel de Beowulf, poema épico da língua inglesa que várias vezes Tolkien apontou como referência.

Seja como for, gostamos de Gollum assim mesmo: estranho e indecifrável. Talvez tenha sido essa estranheza que lhe valeu uma vida para além dos livros e dos filmes. Não é que até os Led Zeppelin o incluíram numa música, “Ramble On”? E que, a dada altura, imitar a voz de Gollum até se tornou uma moda? Quem nunca experimentou que se acuse.


DADOS RÁPIDOS SOBRE GOLLUM


Captura de ecrã 2018-01-29, às 12.15.49

Nome: Sméagol/Gollum
Raça: Hobbit
Género: Masculino
Pele: Pálida
Olhos: Azuis acinzentados
Principais características: Visão e olfato apurados, seis dentes afiados, aprecia comida crua, prefere viver em caves e lugares sem luz, fala de si próprio na terceira pessoa, gosta de enigmas
Primeira aparição: O Hobbit (1937)
Última aparição: O Senhor dos Anéis – O Regresso do Rei (1955)
Interpretado no cinema por: Andy Serkis

3 livros (imaginários) para Gollum


Sou Bipolar. E Depois?
Entrevista com o Demónio
Dicas de Hidratação para Peles Viscosas

Por: Carolina Morais

Gostou? Partilhe este artigo: