Ser benfiquista é ter na estante estes 7 livros

Não é só nos relvados que se sente a famosa mística do Sport Lisboa e Benfica. Adepto que é adepto também acompanha o clube nos livros que lhe são dedicados. Como estes.


Bíblia do Benfica

Luís Miguel Pereira

Se para muitos adeptos o Sport Lisboa e Benfica é quase uma religião, porque não ter a sua versão da Bíblia na estante? Neste livro encontra-se, num formato original, a história do clube através de estatísticas, conquistas, curiosidades, citações, figuras emblemáticas e até letras de canções. Com um prefácio escrito por Rui Costa.


110 Histórias à Benfica

João Tomaz e Fernando Arrobas

O Sport Lisboa e Benfica é um clube feito de histórias e muitas das mais marcantes estão reunidas neste livro. Inclui diversas curiosidades e a reprodução de recortes antigos de imprensa, mas acima de tudo testemunhos de intervenientes diretos nos acontecimentos relatados e de pessoas exteriores ao clube.


 

A Arte da Guerra para Treinadores

Rui Vitória

Quando ainda não era o treinador do Sport Lisboa e Benfica, Rui Vitória escreveu este livro que explica o seu percurso, algumas das suas estratégias de liderança e o triunfo na Taça de Portugal em 2013… contra o Benfica. Apesar deste último ponto, é um livro imprescindível para conhecer o atual timoneiro da equipa.


 

Mistério no Benfica

Patrícia Reis

E agora algo completamente diferente. Neste livro de ficção para os mais novos, conta-se a história de um rapaz que vai parar ao local da final da Taça dos Campeões Europeus de 1962. Só há um problema: ninguém sabe onde está a dita taça. Cabe a ele desvendar o mistério, conhecendo no processo Eusébio e algumas das principais figuras do plantel benfiquista.


 

Eusébio

Sónia Louro

Por falar em Eusébio, a vida pessoal e profissional da mais importante figura da história do Sport Lisboa e Benfica é contada neste livro por uma autora habituada a escrever sobre personalidades emblemáticas de Portugal, como Amália, Fernando Pessoa ou Aristides de Sousa Mendes. Um romance imperdível sobre o homem a quem chamavam “King”.


 

A Glória na Europa

João Vasco Almeida e Frederico Valarinho

No dia 31 de maio de 1961, o Sport Lisboa e Benfica derrotou o Barcelona na Suíça, sagrando-se campeão europeu pela primeira vez. A história deste feito numa competição que terminou com José Águas como melhor marcador é aqui relatado numa edição bilingue e ilustrada por fotografias da época.


 

O Meu Primeiro Livro do Benfica

Pedro Vasco e Ricardo Galvão

De pequenino se torce o pepino. E se faz um benfiquista. Para que desde cedo os mais novos se identifiquem com o clube, este livro inclui 70 episódios marcantes da sua história escritos por Pedro Vasco numa linguagem descontraída e ilustrados com dezenas de desenhos de Ricardo Galvão.


Por: Tiago Matos

Gostou? Partilhe este artigo: