Segunda Vez: a série literária on-line que não podes perder

segunda-vez-revista-estante-fnac

Uma Lisboa alternativa chega-nos através de um formato inovador em Portugal. A série literária Segunda Vez está disponível on-line, a partir de hoje, e lançará novos capítulos todas as semanas.

Terminou a contagem decrescente. Segunda Vez, série literária assinada por Gaspar Trevo, veio revolucionar o modo como lemos, ao surgir no formato de ebook publicado gratuitamente on-line.

O primeiro de 13 episódios que compõem a primeira temporada é hoje divulgado no site oficial da série – e todas as semanas, até ao dia 16 de junho, serão publicados diretamente nessa plataforma novos episódios, todos eles acompanhados por ilustrações de Rui Lacas.

A parte má: temos de esperar sempre uma semana para descobrirmos mais sobre a história e os personagens. Como o suspense já será muito, desvendamos-te aqui alguns pormenores.

O enredo

Além do formato inovador, o conteúdo também é uma lufada de ar fresco. É que esta “distopia lisboeta”, como o próprio autor a descreve, mergulha na ficção científica – que em Portugal, como sabemos, não é uma forte aposta.

Os leitores serão levados a imaginar uma Lisboa alternativa, ameaçada pelo sol. Os seus habitantes têm mecanismos para se refugiarem dos perigos da energia solar. Mas este é apenas o mote da história: tudo promete mudar quando seis jovens são escolhidos pela agência Bóreas para testar o chamado “Rest”, um modelo de mundo virtual que funciona como uma espécie de paraíso privado.

 

 

 

marcello-galvano-revista-estante-fnac

Os personagens

Por que foram estes seis jovens selecionados para o projeto da agência Bóreas? É um mistério. O que se sabe é que a vida de todos eles não será facilitada e as consequências serão, no mínimo, desafiantes. Vem conhecer a equipa de impulsores.


Marcello Galvano
O agente italiano, com cerca de 40 anos, é quem convoca os jovens para participarem no projeto, pelo qual é responsável. Sempre muito misterioso e reservado, tem a função de gerir da melhor forma a equipa e lidar com os dramas pessoais dos seus protegidos.

elda-visco

Elda Visco
Estudante de Coimbra, com apenas 16 anos, que tem dificuldades em encarar os seus problemas. Muda-se para Lisboa para aceitar o desafio mas, devido à incapacidade de se relacionar com os colegas, recorre a mentiras para se ir integrando. Terá de tentar afirmar-se neste meio que lhe parece adverso.

bartolomeu-trenas-revista-estante-fnac

Bartolomeu Trenas
O jovem que colecciona qualidades. Altruísta, responsável, descontraído, sociável e desportista, é neste mundo novo que descobre a sua paixão pela natação e faz amigos para a vida. A agência tem muitos planos para si…

carola-jurado-revista-estante-fnac

Carola Jurado
A melhor amiga de Bartolomeu foi educada de forma muito liberal, contrariando a sociedade conservadora onde vive, e desde muito nova que lida com a morte – perdeu a irmã gémea. Muito independente e desconfiada, Carola começa a encarar o Bóreas como inimigo e chega mesmo a lutar para que o projeto não seja bem sucedido.

fernao-marte-revista-estante-fnac

Fernão Marte
Indisciplinado e marcado por uma deficiência no braço direito, este jovem encara a sua convocatória com desconfiança. No entanto, tende a converter todos os seus azares em forças e irá tentar tirar o máximo desta oportunidade, até nas circunstâncias menos propícias.

brísida-quife-revista-estante-fnac

Brísida Quife
Adepta do mundo virtual, esta portuense é o membro com mais vontade e aptidão para trabalhar na missão. Dotada de uma beleza e inteligência impressionantes, poderá vir a ter sofrer alguns contratempos devido a um interesse romântico.

tiago-derves-revista-estante-fnac

Tiago Derves
Não fazia parte da seleção original e, por isso, crê-se que o único motivo para pertencer ao grupo seja por vir de uma família poderosa. Irá revelar uma atitude cínica, oportunista e desagradável, afastando-se dos outros elementos. Face à sua fraca ligação ao mundo virtual, muitos irão questionar a razão da sua permanência.

Por: Ana Beatriz Oliveira
Ilustrações: Rui Lacas

Gostou? Partilhe este artigo: