Sarah Howe vence Prémio T. S. Eliot

Depois da distinção com o Prémio Sunday Times/Peters Fraser & Dunlop, que todos os anos elege o melhor jovem escritor do Reino Unido, Sarah Howe volta a ver Loop of Jade, o seu livro de estreia, reconhecido. Desta feita venceu o Prémio T. S. Eliot, que premeia anualmente o melhor livro de poesia inédita publicado em inglês.

Loop of Jade é uma coleção de poemas nos quais a anglo-chinesa Sarah Howe explora a sua herança cultural. A presidente do júri do Prémio T. S. Eliot justificou a decisão de o distinguir, alegando que o livro “traz novas possibilidades à poesia inglesa”.

Gostou? Partilhe este artigo: