Sarah Howe eleita melhor jovem escritora do ano

A poetisa Sarah Howe é a vencedora da 17.ª edição do Prémio Sunday Times/Peters Fraser & Dunlop, que distingue todos os anos o melhor escritor britânico entre os 18 e os 35 anos.

Sarah Howe foi eleita devido à coleção de poesia Loop of Jade, na qual explora a herança cultural: nascida em Hong Kong, a autora é filha de pai inglês e mãe chinesa. Na lista de finalistas, encontravam-se também Sunjeev Sahota (por The Year of the Runaways), Ben Fergusson (por The Spring of Kasper Meier) e Sara Taylor (por The Shore).

Entre os autores distinguidos no passado com este prémio no valor de 5000 libras (cerca de 6900 euros) encontram-se nomes como Sarah Waters, Zadie Smith e Robert Macfarlane.

Gostou? Partilhe este artigo: