Pop Science: 8 livros que nos ajudam a compreender o mundo em que vivemos

pop-science-revista-estante-fnac

Podemos aprender astrofísica, neurociência e sociologia sem enterrar o nariz em calhamaços aborrecidos? Claro que sim. Basta abraçar a pop science de génios como Stephen Hawking, Neil deGrasse Tyson ou Yuval Noah Harari.

Breves Respostas às Grandes Perguntas

Stephen Hawking

Foi um dos livros mais vendidos de 2018 e não é de estranhar, ou não se tratasse do último que Stephen Hawking, o homem que ajudou a trazer a cosmologia para o mainstream, terminou antes de morrer. Breves Respostas às Grandes Perguntas cumpre o que o título promete. Com a adição de que Hawking até se foca mais nas perguntas – sobre a existência de Deus, o universo e o futuro da espécie humana – do que nas respostas. Como bom homem da ciência que sempre foi.


Astrofísica para Gente com Pressa

Neil deGrasse Tyson

Desde 1997, e ao longo de uma década, o carismático astrofísico americano Neil deGrasse Tyson publicou regularmente ensaios na revista científica Natural History, dissertando sobre as mais diversas questões do universo e explicando no processo conceitos altamente complexos com a lucidez, leveza e – porque não admiti-lo? – piada que tão bem caracterizam o seu discurso. Os ensaios estão reunidos neste livro, um bestseller com mais de um milhão de exemplares vendidos.


O Universo para Pessoas com Pressa

Colin Stuart

Não é apenas Neil deGrasse Tyson que escreve para gente “apressada”. No campo da astronomia, Colin Stuart tem dado o seu melhor para simplificar conceitos e explicar de forma concisa as grandes questões que envolvem as estrelas e os planetas. Das crenças das civilizações antigas às mais recentes descobertas e teorias sobre o espaço, Stuart faz deste livro uma autêntica enciclopédia do universo… em menos de 300 páginas.


O Mito da Singularidade

Jean-Gabriel Ganascia

Singularidade tecnológica. É este o nome do momento em que a inteligência artificial se elevará sobre a inteligência humana. Um momento que é antevisto por muitos e que poderá estar mais próximo do que a maior parte imagina. Mas, mesmo que venha a acontecer, significará isto a futura escravidão e eventual extinção da raça humana? Ou, por outro lado, a ascensão à imortalidade? Jean-Gabriel Ganascia explora o tema neste livro.


21 Lições para o Século XXI
(Edição Autografada e Numerada)

Yuval Noah Harari

Tecnologia, política, religião, terrorismo, justiça e a era do pós-verdade. O historiador israelita Yuval Noah Harari explora todos estes temas – e muitos outros – neste seu mais recente livro, propondo-se a analisar o “agora” da sociedade moderna depois de se ter concentrado no “antes” em Sapiens e no “depois” em Homo Deus. E se encomendares através do site da FNAC ainda poderás encontrar uma edição especial, autografada e numerada.


A Estranha Ordem das Coisas

António Damásio

Um dos livros mais vendidos em 2017, A Estranha Ordem das Coisas dá-nos a conhecer o conceito de homeostasia, que é como quem diz a forma através da qual procuramos o equilíbrio nas nossas vidas. Mas o neurocientista português António Damásio escreve também sobre ciência e biologia, sobre o papel dos sentimentos enquanto representações do estado da nossa vida, e ainda sobre a ascensão da tecnologia e da inteligência artificial no mundo.


Factfulness

Hans Rosling (com Anna Rosling Rönnlund e Ola Rosling)

Foi um dos livros preferidos de Barack Obama em 2018. E um dos livros recomendados por Bill Gates no verão passado. Foi também o último livro no qual Hans Rosling trabalhou antes de morrer. Nele, o académico sueco explica as limitações subjacentes a dividir o mundo em “desenvolvido” e “subdesenvolvido”. Defende também que hoje em dia tendemos a ter uma visão muito mais negativa sobre o mundo moderno do que este realmente merece. E diz porquê.


Viver Sem Plástico

Will McCallum

Will McCallum, responsável pelos Oceanos na Greenpeace UK, dedica este seu livro a todos “os que lutam diariamente contra a maré de poluição provocada pelo plástico em todo o mundo”. Em Viver Sem Plástico começa por explicar o problema que atualmente assola o ambiente para depois apresentar dicas para prescindires do plástico no quarto, na cozinha, na casa de banho e em todos os lugares para onde vás.

Por: Tiago Matos

Gostou? Partilhe este artigo: