A Sangue Frio: Pode a realidade ser tão atraente como a ficção?


5 curiosidades sobre…

Truman Capote

  1. Nasceu Truman Streckfus Persons. Depois do divórcio dos pais, foi adotado e rebatizado de Truman García Capote.
  2. Aprendeu a ler e a escrever sozinho antes de entrar para a escola.
  3. Aos 10 anos submeteu o conto “Old Mr. Busybody” a um concurso infantil patrocinado pela Mobile Press Register.
  4. A Escola Dwight onde estudou atribui anualmente um prémio com o seu nome.
  5. Depois de morrer, foi cremado. As suas cinzas foram roubadas por duas vezes.

Esta pergunta pairava na cabeça de Truman Capote quando decidiu iniciar uma investigação jornalística que, à partida, poderia ser como tantas outras. O resultado foi A Sangue Frio, o relato brutal de um país dividido entre a segurança e o horror da delinquência.

O que começou por ser apenas uma investigação jornalística transformou-se num dos mais aclamados clássicos literários. Apesar de ser considerado pelo autor como um romance de não ficção, A Sangue Frio deu origem a um novo género de jornalismo literário que dá ênfase não só aos acontecimentos mas a tudo o que normalmente se perde nos noticiários. Atravessando gerações, a trama deste livro também deu origem a Capote, filme nomeado para cinco Óscares que deu a Philip Seymour Hoffman o prémio de melhor ator.


Como foi escrito

Depois de ler a notícia nas páginas do New York Times, Truman Capote ficou intrigado com o brutal assassinato de quatro membros de uma família do Kansas. Apaixonado pela escrita, Capote aproveita esta oportunidade para testar a teoria de que qualquer história real pode ser tão apaixonante como a ficção. Desde que esteja nas mãos do escritor certo.

Intrigado com o impacto que os homicídios tiveram na pacata zona do Kansas, desloca-se para lá e inicia uma investigação por conta própria. Faz entrevistas, recolhe documentos oficiais e conversa durante largas horas com os supostos assassinos.

A ideia inicial era apenas um artigo de revista mas, à medida que vai conhecendo todos os contornos da história, Truman Capote decide transformar a sua investigação num livro. Ao longo de mais de 300 páginas, A Sangue Frio é mais do que o relato de um crime. É o retrato de uma América cheia de contrastes que opõem, de um lado, o mundo calmo e seguro dos Clutter e, do outro, o mundo amoral e tentador de Hickock e Smith.

Embora nunca tenha ganho nenhum prémio literário, o valor deste livro foi amplamente reconhecido pelo público. A publicação de A Sangue Frio rendeu ao autor a imódica quantia de dois milhões de dólares.


Figuras-chave

Richard Hickock e Perry Smith                                                                        

Dois ex-presidiários recentemente postos em liberdade condicional foram condenados à morte por roubo e assassinato da família Clutter. Hickock terá sabido da existência de um cofre na propriedade dos Clutter e, em conjunto com Smith, um ex-companheiro de cela, planeou o roubo sem deixar testemunhas para poderem começar uma nova vida no México.


Primeira frase

“A aldeia de Holcomb fica situada no meio dos planaltos de trigo, no Oeste do Kansas, numa área isolada que os demais habitantes do estado chamam ‘lá para diante’.”


Por: Andreia Vaz

Gostou? Partilhe este artigo: