Os melhores livros de 2017, segundo Bill Gates

Recorda aqui os livros
que Bill Gates sugeriu
no verão de 2017.

Uma autobiografia, uma reflexão sobre a pobreza nos Estados Unidos, duas viagens até à guerra do Vietname. Conhece os livros que mais marcaram Bill Gates em 2017.

Bill Gates, uma das figuras mais influentes do mundo, divulgou a lista dos melhores livros que leu em 2017. Entre eles estão as memórias do seu comediante preferido – já verás mais abaixo de quem se trata –, um relato comovente da pobreza que assola a América, a história das fontes de energia sem as quais não sobrevivemos hoje em dia, e ainda não um, mas dois livros que recuam à impactante guerra do Vietname.

Em 2016, Bill Gates já havia recomendado livros com temas bastante diversos, escritos por autores como David Foster Wallace, Phil Knight, Siddhartha Mukherjee, Archie Brown e Gretchen Bakke.

“Se queres sentar-te em frente à lareira com uma boa leitura, não falharás com nenhum destes livros”, garante o cofundador da Microsoft. Ele diz e nós acreditamos.

the-best-we-could-do

The Best We Could Do

Thi Bui

Uma “ótima novela gráfica”, nas palavras de Bill Gates, na qual a cartoonista Thi Bui explora a história da sua família, que escapou do Vietname em 1978, e as suas experiências enquanto mãe e refugiada.

Evicted-Poverty-and-Profit-in-the-American-City

Evicted

Matthew Desmond

Um dos destaques do cofundador da Microsoft é o livro do sociólogo Matthew Desmond, que aborda a realidade da pobreza vivida por muitos americanos. Bill Gates diz que o livro o impressionou, ao mostrar-lhe o seu país como nenhum outro o havia antes feito.

Believe-Me

Believe Me

Eddie Izzard

A autobiografia do comediante Eddie Izzard não passou ao lado de Bill Gates. Fala da infância do autor, bem como de todo o seu percurso até se tornar uma das maiores estrelas internacionais da comédia. “Recomendo a quem é tão fã dele como eu”, frisou o milionário, que diz ter soltado algumas gargalhadas durante a leitura.

O Simpatizante

O Simpatizante

Viet Thanh Nguyen

Embora pareça, à partida, apenas mais uma obra sobre a Guerra do Vietname, O Simpatizante assume uma perspetiva diferente. Distinguida com o Prémio Pulitzer de Ficção em 2016, esta escolha do exigente Bill Gates foca-se na perspetiva vietnamita da guerra.

energy-and-civilization

Energy and Civilization: A History

Vaclav Smil

O magnata confessa que Vaclav Smil é um dos seus autores favoritos. O livro que escolheu aborda a questão da constante procura de fontes de energia e de como essa busca influenciou a civilização humana. Bill Gates garante que, depois de o leres, sentir-te-ás “mais inteligente e informado acerca da inovação energética”.

Por: Ana Catarina Pinto

Gostou? Partilhe este artigo: