Estes livros são mágicos

magia-revista-estante-fnac

São os livros com magia diferentes dos outros? De que maneira podem mudar o modo como os miúdos vivem e veem a vida?

A ideia de uma folha em branco em que o autor conta a história do zero é, só por si, apaixonante, pelas possibilidades infinitas que as histórias têm para serem contadas. Mas e os livros que não se baseiam em coisa nenhuma ou, por outra, em coisas que não existem na vida real?

Entre a realidade e a ficção, venha o leitor e escolha. Os psicólogos acreditam que a magia expande e que isso, além de apelar a uma maior criatividade, dá às crianças a possibilidade da realidade e do espanto porque a imaginação não existe no vazio. “A magia é uma peça fundamental do sonho, da criatividade e da esperança do ser humano, não apenas das crianças. A partir dos 9 e até aos 15 meses, pensamos que somos enormes e o mundo minúsculo. Para contrariar os desejos narcísicos e omnipotentes do ‘posso, quero, mando’ e ‘quero tudo já porque eu sou eu’, nada como a criança refugiar-se na magia em que o que acontece é real, mas o que transparece é um hocus pocus divino”, defende o pediatra Mário Cordeiro.

DAR ASAS À IMAGINAÇÃO

No caso de Sara Rodi, a escritora de A Viagem de Peludim, fala não de vantagens mas de uma coisa “essencial”. “Limitar as histórias à realidade é estar à partida a limitar os sonhos. As viagens. Se as crianças desenvolverem essa capacidade de ver o mundo além daquilo que ele é de forma a não a perderem com o tempo, essas são as crianças-adultos que poderão (e é desejável que o façam) transformar a nossa realidade. Criar novos mundos no futuro”, explica a autora.

Dando-lhes um livro que tenha fadas, truques de magia, seres imaginários ou personagens com superpoderes, talvez seja mais fácil fazê-las viajar para uma realidade paralela onde não há limites à imaginação e muito menos aos sonhos. E não estamos só a falar de fazer truques com cartas ou de tirar coelhos da cartola. Há muito mais para explorar do que nos conta o livro Escola de Magia, um projeto da Escola de Magia do Porto que inclui todos os truques descritos e fotografados, passo a passo. “No mundo da magia usam-se coisas reais. O coelho que sai da cartola ou o ovo que era uma carta de jogar são reais. O processo de transformação é que é mágico. E pensar que temos alguma capacidade de transformar o mundo e, quanto mais não seja, a nossa vida pessoal e a dos que nos rodeiam, é muito importante para combater a desilusão e o sentimento de pequenez. Aliás, quer coisa mais mágica do que o comando da televisão?”, questiona Mário Cordeiro.

As crianças não têm tantas barreiras quando se trata de saltar entre o mundo real e os imaginários: dragões que cospem fogo, fadas que criam crianças e até flores que falam com seres humanos são coisas que, através dos livros, se tornam facilmente acessíveis e possíveis.


6 livros mágicos que não pode perder

CRÓNICAS DE NÁRNIA
A obra mais conhecida do irlandês C. S. Lewis vendeu mais de 120 milhões de cópias e …foi traduzida para 41 idiomas. O livro f…oi adaptado inúmeras vezes a rádio, teatro, televisão e cinema. No Reino de Nárnia, onde a magia está presente no dia a dia, os animais f…alam e o bem luta contra o mal. Regra geral, as crianças são as personagens principais das histórias, vendo-se transportadas para um sítio mágico de maneira a serem ajudadas por Aslan, o grande leão.

A FADA ROSIX E O ANEL DA MEIA-NOITE
O livro de Enid Blyton, que estudou para ser pro…fessora primária mas depressa percebeu que a sua vocação era escrever e não dar aulas, conta a história de Garra, um troll maléf…ico que tenta roubar talismãs mágicos que ligam as Terras à Árvore. O roubo põe em causa o Mundo Encantado: é tempo de Rosix e as amigas f…adas passarem à ação.

A VIDA MÁGICA DA SEMENTINHA
Incluído no Plano Nacional de Leitura para o 5.º ano de escolaridade, este livro de Alves Redol conta a história de Sementinha, que procurou um torrãozinho de terra e adormeceu sobre ele. Durante o sonho, um rouxinol vagabundo canta-lhe uma canção de embalar.


A FADA ORIANA
Sophia de Mello Breyner Andresen dizia que as …fadas são seres da natureza, sublinhando a importância destas para atribuir vida, vontade e intenções ao mundo da natureza. A Fada Oriana, uma das suas histórias, f…ala de uma …fada que protege os seres mais f…rágeis que habitam a …floresta, numa luta quase eterna entre o bem e o mal.

ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
A história da menina Alice, criada por Lewis Carroll, começa num dia normal. No entanto, a partir do momento em que Alice cai na toca do coelho, tudo muda. Portas e janelas gigantes e pequenas, biscoitos mágicos, um gato com olhos esquisitos, um chá com personagens nunca antes imaginadas e uma Rainha de Copas …formam o bouquet perfeito que tem tanto de encantador como de surreal.

O FEITICEIRO DE OZ
Depois de uma enorme tempestade no Kansas, onde vivia, o mundo da menina Dorothy, pensado e escrito por L. Frank Baum, altera-se completamente. Na terra de Oz há bruxas, espantalhos que falam e leões medrosos. E até a menina é conf…undida com uma bruxa.


Por: Mariana de Araújo Barbosa

Gostou? Partilhe este artigo: