Livro de Paul Auster chega aos palcos com experiência de realidade virtual

paul-auster-revista-estante-fnac

Cidade de Vidro, o primeiro volume da famosa Trilogia de Nova Iorque, assinado por Paul Auster, acaba de ser transportado para os palcos londrinos. O espetáculo teatral é acompanhado por uma experiência de realidade virtual, que permite ao espectador sentar-se na secretária do autor americano e escrever passagens da obra, enquanto vê neve cair à sua volta.

A peça, tal como o livro, conta a história de Daniel Quinn, um escritor de romances policiais marcado pela morte da mulher e do filho que, após receber uma série de telefonemas noturnos de Peter Stillman, dá por si a assumir a identidade de um detetive privado de nome Paul Auster e a conduzir uma investigação pela cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

O espetáculo, adaptado por Duncan Macmillan, é composto por um elenco de cinco atores – cada um deles interpreta vários personagens – e recorre a tecnologia de vídeo e animação para criar múltiplas realidades e cenários – entre eles, a casa de Stillman, a estação de comboios Grand Central ou as próprias ruas da Big Apple.

Cidade de Vidro estará em cena entre 20 de abril e 20 de maio no espaço Lyrio Hammersmith, em Londres, depois de já ter estado em exibição, este mês, no teatro Home, em Manchester.

Gostou? Partilhe este artigo: