Quem é Kazuo Ishiguro, o vencedor do Prémio Nobel de Literatura 2017?

kazuo-ishiguro-revista-estante-fnac

Depois da surpreendente – e controversa – eleição de Bob Dylan no ano passado, o (mais tradicional) escritor Kazuo Ishiguro foi anunciado vencedor do Prémio Nobel de Literatura deste ano.

Kazuo Ishiguro é um nome relativamente conhecido no mundo das letras, isto apesar de ter apenas sete romances publicados. Nascido em Nagasaki, no Japão, em 1954, a sua família mudou-se seis anos depois para Inglaterra – em 1982 haveria de se tornar um cidadão britânico. Depois de se formar em Inglês e Filosofia, com um mestrado em Escrita Criativa, aventurou-se na escrita de romances.

Atualmente com 62 anos, Kazuo Ishiguro é o autor dos bestsellers Os Despojos do Dia (1989) – pelo qual foi distinguido com o prémio Man Booker, em 1989 – e Nunca me Deixes (2005).

Outros romances escritos pelo mais recente vencedor do Prémio Nobel de Literatura: A Pale View of Hills (1982), An Artist of the Floating World (1986), Os Inconsolados (1995), Quando Éramos Órfãos (2000) e O Gigante Enterrado (2015), atualmente em vias de ser adaptado ao cinema. Publicou ainda o livro de contos Noctunos (2009).

Kazuo Ishiguro é o 114.º laureado com o Prémio Nobel de Literatura desde que este foi criado, em 1901. Entretanto o autor já comentou publicamente a atribuição do galardão: “O mundo vive um momento muito incerto e eu espero que todos os prémios Nobel possam ser uma força positiva no mundo. Ficaria profundamente comovido se pudesse de algum modo contribuir para uma atmosfera positiva em tempos tão incertos.”

Entre os nomes apontados como favoritos para o Prémio Nobel de Literatura encontravam-se autores como Haruki MurakamiNgũgĩ wa Thiong’o, Amos Oz, Margaret Atwood e Adonis. E, vá-se lá saber porquê, até nomes como Kanye West e Donald Trump estavam contemplados pelas casas de apostas este ano.

Gostou? Partilhe este artigo: