A Dar ao Dente Pela Afrodite

estante-revista-fnac-afrodite

Decorria o ano de 1965 quando, em Portugal, abriu atividade uma pequena editora que ousou enfrentar a censura imposta pelo Estado Novo, publicando obras tão controversas como Kama Sutra – Manual do Erotismo Hindu ou Antologia de Poesia Portuguesa Erótica e Satírica. A assinalar o 50.º aniversário da hoje icónica Afrodite, realiza-se no dia 21 de maio, às 21h30, na livraria Sr. Teste/Ennui da Sociedade Guilherme Cossoul, em Lisboa, uma sessão de conversa entre Vitor Silva Tavares e Pedro Piedade Marques na qual se recordará a editora de culto e Fernando Ribeiro de Mello, o responsável pela sua criação.

Gostou? Partilhe este artigo: