12 clássicos que os jovens adultos devem ler

Muitos dos livros que hoje mais agradam ao público YA foram escritos para outro tipo de leitores, mas podem e devem ser lidos por jovens. Cabem neste lote clássicos “tenebrosos” como Frankenstein, O Corvo, Drácula e A Metamorfose, mas também livros que, embora não tão antigos, já ganharam o estatuto de clássicos modernos. São obras marcadas por surrealismo (A Espuma dos Dias, A Morte Melancólica do Rapaz Ostra), humor (The Hitchhiker’s Guide to the Galaxy), fantasia (Os Reinos do Norte, Neverwhere). E até existem alguns lusófonos, como O Que Diz Molero, Crónicas dos Bons Malandros e A Vida no Céu. Porque a literatura YA não escolhe géneros. E existe desde sempre.


 

1818

FRANKENSTEIN
Mary Shelley
Asa
#monstro #cientista #ressurreição

1845

O CORVO
Edgar Allan Poe
Relógio D’Água
#corvo #luto #loucura

1897

DRÁCULA
Bram Stoker
Asa
#vampiro #castelo #transilvânia

1915

A METAMORFOSE
Franz Kafka
Relógio D’Água
#inseto #família #alienação

1947

A ESPUMA DOS DIAS
Boris Vian
Relógio D’Água
#casamento #doença #flores

1977

O QUE DIZ MOLERO
Dinis Machado
Quetzal
#aventura #experiência #detetive

1979

THE ULTIMATE HITCHHIKER’S GUIDE TO THE GALAXY
Douglas Adams
Del Rey
#depoisdofim #espaço #42

1980

CRÓNICA DOS BONS MALANDROS
Mário Zambujal
Clube do Autor
#quadrilha #assalto #museu

1995

MUNDOS PARALELOS: OS REINOS DO NORTE
Philip Pullman
Editorial Presença
#génios #viagem #auroraboreal

1996

NEVERWHERE
Neil Gaiman
William Morrow
#londres #identidade #subterrâneo

1997

A MORTE MELANCÓLICA DO RAPAZ OSTRA & OUTRAS ESTÓRIAS
Tim Burton
Antígona
#bizarro #alienação #poesia

2013

A VIDA NO CÉU
José Eduardo Agualusa
Quetzal
#água #balsas #flutuante

 

Gostou? Partilhe este artigo: